Análise das minhas listas

19 de agosto de 2011
Certo dia desses, eu acordei empolgada com a vida e cheia de motivação para tudo quanto era coisa. Estava realmente decidida: vou mudar. Levantei, liguei o computador e listei todas as coisas que estavam na minha mente no momento, coisas que eu queria mudar, ou então, começar a fazer (postei isso no Tumblr). Tudo muito lindo e motivante, mas quem diz que fiz algo? Quer dizer, algumas coisas até que me valeram, mas foi somente fogo de palha. Vou colocar aqui as "metas", com as devidas observações:

  • Organizar meu quarto — fiz;
  • Organizar minha mochila — fiz;
  • Organizar as pastas do meu computador — mas nem pensei nisso;
  • E as músicas também — pffff, continua mesma coisa de sempre;
  • Prestar mais atenção às aulas — isso de fato tá acontecendo, milagre;
  • Copiar tudo que for necessário — e também to anotando, milagre (+1);
  • Não copiar as coisas em cadernos errados — nesse ponto da lista já me sinto vitoriosa;
  • E nem esquecer o estojo em casa — oh god, já esqueci em casa umas 3 vezes desde que começaram as aulas;
  • Ler pelo menos os livros recomendados de Fotografia — nem sei quais que tem que ler;
  • Ler todos os livros possíveis (só pra parecer que sou inteligente) — eu pego todos os livros possíveis, mas ler que é bom, nada;
  • Ok, não ler tanto livro adolescente — é a única coisa que tenho feito na vida;
  • Terminar de assistir todos os "Star Wars" sem dormir — eu só achei o dvd, não vi mais nada;
  • Terminar de ler "O Diário de Bridget Jones" até sexta — não li até a sexta que tava ali, mas consegui terminar de ler;
  • Continuar baixando "The Big Bang Theory" — baixei mais alguns e desisti;
  • Baixar mais alguma série — nops;
  • Talvez aceitar a ideia de que não preciso de pessoas para sobreviver — sou a criatura mais dependente desse mundo, não dá;
  • Ver que a frase acima está errada — ainda bem;
  • Escrever mais e mais e mais — isso de certa forma tá acontecendo, não significando que tenham qualidade, é claro;
  • E não ter preguiça para isso — até que não estou tendo no momento;
  • (...)* — as reticências foram pra bonito;
  • Começar a me levantar mais cedo — olha eu contando piada na minha lista, credo :'D;
  • Diminuir meu banho em 15 minutos, pelo menos — não sei quanto eu diminuí meu tempo, mas to sendo mais rápida;
  • Não queimar mais a carne, quando minha mãe me deixa cuidando do almoço — nunca mais fiz almoço;
  • Aliás, tenho que aprender a cozinhar — seria uma boa né?;
  • Perder menos tempo fazendo listas — mas listas são tão legais ): ;
  • Fazer um layout superlindoseduzente para o blog — olha, eu não fiz esse, mas achei perfeito;
  • Desistir daquelas coisas que só-eu-sei-o-que-é — nem sei do que eu to falando;
  • Começar a desenhar com a tablet — nops;
  • Aprender a mexer no Flash, sem a ajuda da minha irmã — nops meeesmo;
  • Não tomar mais Coca Cola quando a minha garganta estiver doendo e estiver fazendo -10 ºC lá fora. — no mesmo dia que escrevi isso tomei Coca com a garganta toda ruim.
Meu Deus, não fiz metade. Mas de qualquer forma (anota: tenho que parar de escrever "de qualquer forma", é vício), isso já foi um grande avanço, porque se eu for analisar listas que eu tenho feito durante a minha vida, se fiz 10% do que escrevi é MUITO. E ainda bem que não fiz o que geralmente escrevia, cof cof. 

0 comentários :

Postar um comentário

 

Follow by Email

Theme e conteúdo por Marina R. - © Marina's Journal 2011 ~ 2017