Minha bagunça nem um pouco organizada

23 de novembro de 2011

Eu acho que estou ficando apavorada com a minha memória, ou falta dela, melhor dizendo. Eu até comecei a anotar todas as coisas que quero e devo fazer nesses últimos dias, tudo como notinhas no meu celular velhinho. E acredita que a partir daí eu comecei a perder as coisas? Pois é. Estão sendo válidas, as notinhas, porque eu acabo realmente fazendo o que tinha de ser feito, mas por outro lado as coisas estão sumindo (ou eu perdendo, né).

Um bom exemplo disso. Eu comecei a trabalhar nessa segunda, numa imobiliária. E também comecei a anotar tudinho no celular, até mesmo porque meu tempo tá menor e, se eu já não fazia/me esquecia de fazer as coisas da aula com todo o tempo livre, imagina agora que saio manhã e tarde. Anotei que tinha de levar uma via de um papel lá na faculdade, e de fato levei, conforme devia de ser feito. Acontece que nesse meio tempo, entre levar o papel para a coordenação de estágio e a aula, eu acabei perdendo a carteira de identidade, que por muita pouca inteligência minha, estava no bolso da minha calça, justo a calça que o bolso é menor e fácil de perder qualquer coisa. O pior de tudo: notei a perca só depois, no fim da aula, quando tudo já estava escuro, as pessoas estavam indo, junto com a minha chance de encontrar a tal da carteira. Isso me faz lembrar que tenho de fazer logo o boletim de ocorrência e seja lá o que for preciso (nunca perdi minha carteira ou qualquer documento antes para saber).

Outro caso. Hoje. Perdi o livro que eu deveria ter entregue ainda ontem à biblioteca. Além de multa, mais o livro perdido. Terei que amanhã ir correndo para a faculdade para ver se encontro o dito cujo. E, oh céus, tenho que fazer trabalho ainda para amanhã *cara apavorada nesse momento*.

Sabe, eu não considero meus dias corridos, nem que eu tenho lá muita muita muita coisa para fazer. O meu grande problema é a desorganização. Eu até tento, mas sempre dou uma baita recaída e volto a deixar tudo solto, sem eu tomar as rédeas do meu tempo. Meu quarto é um bom exemplo disso. As vezes estou super empolgada e arrumo as roupas do meu guarda roupa (e também a metade das roupas do guarda roupa que, por via do destino, se encontram eternamente em cima da minha cama). Também acabo arrumando toda minha estante. E sabe, não seria nem um pouco difícil manter tudo organizado, seria só colocar no seu devido lugar e tudo seria feliz. Mas eu assumo e digo bem alto: eu não consigo ser organizada, não consigo. Parece que deixar tudo bagunçado torna mais confortável, mais cômodo,  mais... não sei. Só sei que não consigo, pelo menos por enquanto. Esse é um ponto que devo melhorar, e muito. Pronto, desabafei.

Eu comecei falando de uma coisa lá em cima e terminei falando de outra no final. Eu sou mais ou menos assim, pra pior.
  1. Oiii, Minha memória também está meio Fail , esses dias minha mãe, "Sara daqui dois minutos desliga o arroz, eu baixei uns dois programas , instalei , falei no telefone, quando fui ver a cozinha estava branca" ¬¬

    Acho que vou começar a anotar também!

    Bjus

    Ps: Gosto muito do seu blog! <3

    ResponderExcluir
  2. Kkk, amei a sinceridade. Mas, todos passamos por esta fase (estou tentando nos animar..rs.), pois ainda espero a minha passar...kkk
    Att.,
    Luks

    ResponderExcluir

 

Follow by Email

Theme e conteúdo por Marina R. - © Marina's Journal 2011 ~ 2017