Aquele apego que todo mundo tem

14 de março de 2014
O gatinho da minha irmã vive se apegando às coisas. Tem semana que ele não larga da cadeira da cozinha, aquela que corresponde a mamãe. Tem dia que não sai de cima da mesinha do computador, e permanece lá dormindo por horas e horas, e turnos, e dias (quem quiser utilizar o computador de mesa que se vire). Tem vezes que suportes materiais não importam mais e tudo que ele quer - e teima em querer - é um bom colo, de preferência eterno e com direito a carinho na barriguinha. Ou seja, tem coisinhas que o gatinho escolhe que o deixam seguro, nem que seja durante um dia somente. Aquela sensação de pertencimento, sabe?

Eu sei, pelo menos. Sinto isso quando estou em algum lugar que não gostaria, numa situação incômoda. Tudo que penso é como seria melhor estar na minha casinha, com meus gatinhos, fazendo qualquer coisa que não seja estar lá. Outro pensamento de "lugar de apego" é o abraço do meu namorado, que mora lá longe e é difícil de conseguir. Esse é o pertencimento que mais dá apertinho no peito, porque é aquela coisa de querer e não poder (mas eu sei que te tenho comigo seja onde for, amor ♥).

Nesses últimos dias o algo que o Bebê (nome do gatinho) escolheu é uma mala. Dessas simplesinhas, de viagem curta. Ele dorme a manhã em cima da mala, sai pra comer um pouco mas logo volta. Virou um cantinho precioso temporário dele. Essa mala agora tá no sofá, como um dos vários artigos de bagunça da sala, mas a gente aqui em casa nem faz questão de arrumar aquele cantinho, só pra deixar o lugarzinho pro gato. O cantinho é dele então deixa ele lá. ♥ Tive um gatinho tempão atrás que, sempre que estava emburrado com alguma coisa, entrava no banheiro e ficava lá até se cansar e dormir, haha.


Acho que todo mundo tem um pouco de Bebê, no sentido de que é carente de alguma forma, e todo mundo tem sua malinha, aquele lugar, coisa, pessoa, ou seja o que for que dê segurança. E isso é importante, esse apego é importante (desde que não seja doentio, hehe). Acho que são esses apeguinhos diários que vão definindo o que somos. Até mesmo porque, qual a graça de ser completamente desapegado de tudo, não é?
  1. Coisinha mais fofa. Gatos são mto peculiares.
    Eu adoro ser desapegada das coisas, mas tem algumas coisas que eu tenho esse apego mesmo, principalmente em se tratando de um ser chamado Rapha, vulgo namorado <3

    ResponderExcluir
  2. Seu blog é LINDO! Amei o design e seu modo caprichoso. Continue assim <3

    Um beijo, meu bem!

    ResponderExcluir
  3. bom, tive de deixar meu bichinho de estimação porque trabalhava o dia inteiro, deu até vontade de voltar a ter um agora que não estou mais... E sei como é isso de querer estar com alguém e não poder, quando mudei pra Curitiba tive de deixar meus melhores amigos e família na minha cidade (moro com meu irmão) é bem triste :/

    ResponderExcluir
  4. Oiii conhecendo seu blog agora, achei muuuito fofo, adorei. *-*
    E pois é, quando se trata de gatos, eles fazem o que bem quiserem e os outros é que se virem para lidar com eles. Sei bem disso, tenho dois em casa. Mas eles são GATOS, lindos de morrer, então podem sim fazer o que quiserem. hahaha

    Beijos,
    Cenas do meu livro de memórias

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gato sempre pode fazer tudo que quiser, haha.

      Excluir
  5. Analisando bem, acho que sou igual ao gatinho da sua irmã
    me apego a tudo que é material.. errado eu sei
    e acabo sofrendo aquela sindrome do esquilo, guardo tudo e não jogo nada fora

    eu e o gato precisamos praticar o desapego hahaha
    adorei a foto
    beijos

    ResponderExcluir
  6. Ai que amor esse textinho. Deixa o gatinho lá quietinho no cantinho dele. ♥♥♥
    Você escreve muito bem, adorei!!!
    Beijox
    Thayníssima

    ResponderExcluir
  7. Faz tempo que minha casa não tem mais gatinhos, nossa última tentativa foi ano passado, porém roubaram a Alice, ai desistimos de ter felinos. Mas a esposa do meu irmão é louca por gatos e mora na casa de cima, e todo dia quando vejo tem um gato novo, eles são extremamente amáveis . Saudades do seu cantinho Marina <3
    http://saralupeti.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

 

Follow by Email

Theme e conteúdo por Marina R. - © Marina's Journal 2011 ~ 2017