Pipa, pandorga, raia, papagaio

29 de junho de 2017
Foi nesse domingo, 14 de maio de 2017, que aprendi a empinar pipa. Bem, sempre falei "pipa", mas assistia sempre o programa Pandorga e sei que em outros lugares chamam também de raia e papagaio. Mas no fim é tudo a mesma coisa, não é? Um pedaço de papel e varetas presos por um barbante suspensos no céu.

Namorado me ajudou. Eu não sabia como fazer. Nos enrolamos demais para desenrolar, a ponto de quase desistir de tantos nós que se formaram, mas aí veio o vento, e a gente correu, e a pipa levantou voo. Tínhamos duzentos metros de linha, e todos os duzentos metros de linha ficaram esticadinhos, até não poder mais. O céu azul azul azul do sul ganhou um ponto de cor. Foi bonito ver alguns pássaros em grupo passando bem abaixo da pipa e foi engraçado ver alguns adolescentes apontando os dedos para cima com uma expressão de wow! estampada na cara.

Me senti sendo jovem feito propaganda, com os raios do por-do-sol atravessando a embalagem de vidro de Coca-Cola. Foi um dia bonito.

* * *

Não tirei foto no dia. Tinha esperanças que fizesse outro dia de fim de semana tão bonito quanto aquele para poder registrar. Pois é, não rolou.
 

Follow by Email

Theme e conteúdo por Marina R. - © Marina's Journal 2011 ~ 2017